Seguros de viagem

Economize até 50%

 

Viagem para Cuba: Guia completa

Edifício antigo em Havana, Cuba

 

Está precisando de um descanso em um lugar paradisíaco? Gosta da histórica contemporânea e também desfruta a música caribenha? Então sem dúvidas as suas próximas de férias deveriam ser uma viagem para Cuba.

 

Viagem a Cuba, prepare-se para uma nova experiência

Ao chegar a Cuba, a primeira cidade para conhecer é a sua capital, La Habana, a porta de entrada das viagens à ilha. É uma cidade cheia de vida e cores, que por momentos parece ter se detido no tempo.

O ideal é passar pelo menos 4 ou 5 dias percorrendo a cidade, começando pela Havana Vieja e seus jardins e praças floridas, comendo e bebendo em cantos famosos como La Bodeguita del Medio ou El Floridita e passando depois pelo Castillo de los Tres Reyes del Morro e San Carlos de la Cabana. 

 

No centro da capital também poderá visitar o Capitólio, o Museu da Revoluçao, o de Belas Artes, o Hotel Nacional, conhecer o bairro Vedado, com construções dos anos 50 e terminar os dias dando uma caminhada à beira mar pelo Malecón.

 

Precio de seguros de viaje para Europa

Seguro viagem Cuba

Lembre-se que para viajar para Cuba, o seguro de viagem é obrigatório. Temos o melhor preço para o seu seguro de viagem para Cuba, garantido.




*preço diário por pessoa, baseado em ocupação dupla. As taxas podem variar de acordo com o preço diário do dólar.


Planos desde:


  $R5 por día*


COTAÇÃO

 

Além de metrópoles, a sua viagem para Cuba tem que incluir estadias nas paradisíacas praias espalhadas pela ilha inteira. Varadero, Cayo Santa María, Cayo Guillermo e Cayo Coco são somente alguma das opções onde poderá descansar e desfrutar do sistema all-inclusive, vigente na maioria dos resorts.

Fora as praias e a capital, Trindade é uma cidade que vale a pena conhecer, pois é uma das mais bonitas e bem conservadas. Caminhar pelas suas ruas empedradas é como entrar em um túnel do tempo.

Cienfuegos é outro destino imperdível na sua viagem para Cuba. Conhecida como a Pérola do Sul, e declarada Patrimonio da Humanidade pela UNESCO, possui edifícios e construções de inspiração francesa.

Se gostar do turismo rural e agrícola, Viñales será uma de suas cidades favoritas. Localizada cordilheira de Guaniguanico, é uma região dedicada ao cultivo de tabaco, com grandes formações rochosas, conhecidas como Mogotes.

 

Pôr do sol sobre o mar em Havana, Cuba

 

Quais são os requisitos para viajar a Cuba?

Você já decidiu que vai viajar para Cuba nas suas próximas férias? Então não se esqueça de um ponto fundamental: os brasileiros precisam de visto para ingressar no território cubano. Esta permissão de entrada não é um carimbo no passaporte, senão que se trata de uma carta de visita que se solicita ao entrar no país.

 

Para solicitar o visto é preciso comparecer na Embaixada de Cuba em Brasília ou no Consulado Geral cubano em São Paulo. O trâmite custa USD 20, ou 57 reais, e o documento tem uma validade de 30 dias corridos desde o ingresso no país. Pode ser renovado por mais 30 dias, previa autorização das autoridades migratórias.

 

Para tirar o visto é preciso apresentar:

- Passaporte válido

- Cópia de passagem aérea com ida e volta

- Cópia da reserva da hospedagem

- Formulário de solicitação preenchido (pode se obter na página do Consulado)

 

É muito importante que no momento do pedido já conte com o tíquete aéreo e o lugar para se hospedar, pois são informações requeridas pelo governo cubano.

Para aqueles turistas que se encontram longe de Brasília ou São Paulo e não podem se apresentar pessoalmente, existe a possibilidade de solicitar o visto através pela via postal, enviando todas as documentações pelos Correios, porém o trâmite e um pouco mais caro já que custa 95 reais.

Outra forma de obter o visto é compra-lo através da companhia aérea Copa Airlines, mas somente em casos de emergência.

Além do visto, outro dos requerimentos obrigatórios ao viajar para Cuba é contar com carteirinha de vacinação que comprove que o turista tomou a vacina contra a febre amarela.

 

Atenção! Não se esqueça de que deverá se aplicar a vacina com pelo menos dias 10 de antecedência à viagem. Caso contrário, os oficiais da migração podem barrar sua entrada devido à falta de cobertura do tratamento.

 

Músicos nas ruas de Havana, Cuba

 

Lembre-se: o seguro de viagem para Cuba é obrigatório

Ademais do visto consular e a vacina contra a febre amarela, contar com um seguro de saúde é um requisito mandatório ao viajar a Cuba. 

Independentemente da obrigatoriedade, contratar um seguro de viagem lhe aportará tranqüilidade e segurança durante a sua estadia na ilha, pois oferece assistência médica e odontológica diante doenças, acidentes ou quaisquer imprevistos que possam acontecer no decorrer do passeio.

O seguro de viagem também oferece cobertura das despesas farmacêuticas e hospitalárias, gastos por repatriação sanitária ou funerária, assistência legal e pagamento adiantado de fianças em casos de problemas com a justiça. Algumas apólices também incluem devolução por extravio, roubo ou atraso de bagagens e cancelamento da viagem, reembolsando o dinheiro gasto por estes inconvenientes.

 

Asseguresuaviagem.com possui múltiplas opções de coberturas para que possa viajar para Cuba com a maior segurança. Entre em contato conosco para que possamos lhe oferecer a assistência que mais se ajuste às suas necessidades.

 

 

Quanto custa viajar a Cuba?

Antes de comentar qual é o orçamento médio que deve ter em conta na sua viagem para Cuba, é preciso que tenha em conta o sistema monetário que funciona na ilha. Existem duas moedas: o peso cubano, de uso exclusivo do morador local, e o peso cubano conversível, chamado de CUC.

Um CUC equivale a um 1 euro, e é a única moeda que o turista pode obter quando trocar nas casas de câmbio ou com os cambistas particulares. O estrangeiro nunca terá acesso ao peso cubano tradicional. Agora sim, valor falar de quanto custa uma viagem para Cuba.

 

Toldo na praia com vista para a água na praia de Rancho Luna, Cuba

 

- Hospedagem

A maioria dos turistas viaja com pacotes que incluem a hospedagem, mas, além dos hotéis e os grandes resorts all inclusive, os moradores costumam alugar quartos nas suas próprias casas. Eles precisam estar autorizados pelo governo cubano, e exibir uma placa que confirme esta informação na frente da propriedade.

Os quartos nas casas particulares são privativos, com banheiro próprio e podem albergar até 3 pessoas. O preço da noite é sempre de 25 CUC, pois é estabelecido pelo governo. O café da manhã se cobra aparte, com um valor de 5 CUC aproximadamente.

- Tem alguns quartos que são mais econômicos, principalmente aqueles que ficam mais longe do centro, mas confira que estejam autorizados pelo governo cubano.

. Se prefere grandes hotéis, em algumas praias, como Varadero e Santa Lucia, tem resorts um pouco mais baratos, que custam ao redor de 26 euros com alimentação e bebidas incluídas.

 

- Alimentação

O custo de comer em Cuba pode ser bem variado. Uma refeição completa e gostosa pode custar entre 6 a 10 CUC, dependendo do restaurante e do bairro. Claro que tem opções mais baratas, mas nem sempre são de boa qualidade.

Caso quiser sair à noite, para as boates ou os barzinhos, os coquetéis como Daiquiris, Cuba Libre e Mojito custam ao redor de CUC 3, e as cervejas, entre CUC 2,5 e CUC 3,5.

 

Veículo antigo que funciona como táxi em Havana, Cuba

 

- Transporte

Na Havana, existem várias opções de transporte para os turistas: táxis particulares, coletivos, ônibus e cocotáxis, que são carros parecidos com um moto triciclo, mas em forma de ovos, que funcionam como taxis exclusivos para os vistantes estrangeiros.

- No primeiro dos casos, a viagem custa ao redor de CUC 5 a corrida, porém alguns taxistas podem cobrar mais (CUC 8 a 12) ao perceber que se trata de estrangeiros. Não precisa cair na armadilha! É só procurar outro motorista.

- Os cocotáxis costumam ser mais caros, mas os taxis coletivos são bem econômicos, já que custam de CUC 0,5 a CUC 1, dependendo do destino. O único problema é que às vezes as pessoas podem entrar no meio do trajeto, atrasando a viagem.

- Por último, os ônibus são muito econômicos e são o principal médio de transporte dos moradores locais, por isso quase sempre estão muito lotados e demoram muito para chegar ao destino.

 

Para ir de uma cidade a outra na sua viagem a Cuba, pode viajar de avião, alugar um carro, pegar um ônibus ou combinar com outros viajantes para fazer um táxi coletivo. As primeiras opções são as mais caras, porém também as mais confortáveis.

 

Se decidir pegar ônibus, saiba que a única empresa que opera com estrangeiros é a Viazul, que possui unidades relativamente cômodas, mas com preços um pouco elevados. Uma passagem da Havana até Trinidad custa CUC 22, até Varadero CUC 9 e até Camaguey CUC 26.

Tenha em conta que a empresa não oferece muita possibilidade de horários, por isso é melhor reservar com antecedência ou chegar bem cedo na rodoviária para as passagens não esgotarem.

 

- Internet

Está acostumado a ter acesso à net de forma permanente? Usar internet em Cuba não é tão simples. Para utilizar o serviço de WiFi disponível nos hotéis e nas praças públicas o turista tem que comprar um cartão com uma senha.

O cartão custa CUC 3 e pode ser usado durante uma hora navegando a net. Caso não for utilizado na sua totalidade, pode guarda-lo para usar os minutos restantes em outro momento. Lembre-se que são válidos por até 30 dias.

 

Mar azul e areia branca de uma praia em Varadero, Cuba

 

Qual é a melhor época para viajar a Cuba?

Antes de contratar qualquer tour ou pacote all inclusive, tem que saber quando é o melhor momento para visitar a ilha.

A temporada alta, com menor probabilidade de chuvas, é de novembro a março. Em esta época os preços aumentam e a disponibilidade de tíquetes e hospedagem é limitada, por isso é recomendável reservar com antecedência.

Entre abril e maio, os preços caem e o fluxo de turistas também diminui. Tenha em conta que de junho a novembro é temporada de ciclones e furacões, então é melhor evitar a viagem durante esses meses.

 

 

Antes de viajar a Cuba, o que se deve ter em conta e preparar?                 

Agora que já falamos um pouco sobre Cuba, é bom que antes de sair para conhecer esta maravilhosa ilha tenha em conta algumas questões:

  • O visto é obrigatório. Lembre-se de tirar o visto de turismo na Embaixada ou Consulado cubano com antecedência. Imagine chegar lá e ter que voltar por não contar com essa documentação! 
  • Escolha sua hospedagem com antecedência. Os hotéis em Cuba costumam ser muito caros, por este motivo é muito melhor se hospedar nas casas dos moradores locais. Entre em contato com eles através de sites de aluguel para economizar dinheiro. 
  • Leve euros. Deixe de lado os dólares, pois para trocá-los é cobrada uma taxa a mais, de ao redor de 10%. Os euros podem ser trocados nas “cadecas”, que são as casas de câmbio. 
  • Prepare bem a sua mala. Não se esqueça de colocar remédios para dores musculares, de cabeça, elementos de higiene pessoal como shampoo, sabonete, creme dental, desodorante, filtro solar, álcool e repelente. Os preços lá podem ser bem elevados porque a disponibilidade de alguns produtos é limitada.

 

Mulher idosa fumando um charuto cubano nas ruas de Havana

 

Conselhos para suas férias em Cuba

Confira algumas dicas para sua viagem para Cuba:

 

  • Aproveite o conhecimento dos moradores. Sempre que puder, prefira se hospedar nas casas dos nativos, para vivenciar melhor o país e conhecer lugares escondidos que somente eles poderão lhe mostrar. 
  • Negocie os preços. Principalmente no momento de subir em um taxi. Sempre tente regatear o valor da corrida: evite pagar mais de CUC 5 para viagens diurnos e mais de CUC 10 para aqueles noturnos. 
  • Fique atento às notas. Confira que sempre lhe deem o troco em CUC e não em peso cubano local, pois estarão lhe dando uma moeda mais desvalorizada. 
  • Sempre que puder, caminhe. A melhor forma de conhecer a ilha e batendo perna. Você descobrirá lugares novos e economizará dinheiro. 
  • Compre os produtos típicos em lojas especializadas. Rum, café e charuto não podem faltar na sua mala de volta, mas evite compra-los na rua, pois mesmo que sejam baratos, podem ser de baixa qualidade.

 

Lembre-se que o seguro de viagem com cobertura médica e assistência é obrigatório para viajar para Cuba. Na Asseguresuviagem.com trabalhamos com as empresas autorizadas que oferecem cobertura em Cuba, por isso podemos comparar os planos em segundos e oferecer os melhores preços.

 

Precio de seguros de viaje para Europa

Seguro viagem Cuba

Lembre-se que para viajar para Cuba, o seguro de viagem é obrigatório. Temos o melhor preço para o seu seguro de viagem para Cuba, garantido.




*preço diário por pessoa, baseado em ocupação dupla. As taxas podem variar de acordo com o preço diário do dólar.


Planos desde:


  $R5 por día*


COTAÇÃO

Escribir un comentario

Código de seguridad
Refescar